[Top 5] Os professores mais brilhantes da literatura

Dia dos professores não é brincadeira não. Sempre tive muita admiração e carinho para com todos os que tive na minha vida, e tenho certeza que todos me inspiraram um pouquinho, pelo menos, a ser quem sou hoje.

Vamos exaltar essa profissão, formadora de todas as outras, que tantas vezes não recebe o mérito e o respeito que merece! Para contribuir nisso, resolvi citar meus professores literários favoritos e fazer um top 5! Bora! 

Os cinco melhores professores da literatura:

01. Srta. Mel (Matilda – Roald Dahl)

misshoney

Quando era mais nova e assisti ao filme Matilda, foi amor à primeira vista. Até hoje, quando assisto, me divirto tanto quanto antes. Só bem mais tarde descobri que o sucesso Matilda também pertencia ao mundo dos livros, e, por isso, não posso deixar de citar a Senhorita Mel aqui na lista. Seja no livro ou no filme, a personagem é uma das melhores que já vi. Tem um dos corações mais doces e as lições que passa (aos estudantes e aos leitores) acabam sendo muito mais profundas do que podemos perceber logo de cara. (imagem retirada de br.pinterest.com)

 

02. Alvo Percival Wulfrico Brian Dumbledore (saga Harry Potter – J.K. Rowling)

dumbleGente, não deve ser surpresa pra ninguém ver o Dumbledore aqui, né? Como Potterhead lunática, não posso deixar de expor minha opinião de que ele era um velho biruta e que às vezes tinha umas ideias bem erradas (algumas das quais eu mesma ainda batalho pra entender), mas, da mesma forma, tenho que dizer que ele era um gênio em muitos sentidos! É um dos personagens com quem eu gostaria de tomar um café e passar horas conversando, daqueles que deve abrir seus horizontes. Do tipo que te fornece ensinamentos que são levados para fora da sala de aula (e para o resto da vida), ele, mesmo sendo um mero personagem, marcou minha vida e me ensinou muito durante os livros. (imagem retirada de www.deviant-catalyst.appspot.com)

 

03. Robert Langdon (Anjos e Demônios, O Código da Vinci , O Símbolo Perdido e Inferno – Dan Brown)

robert
Digam o que quiser de Dan Brown, ele continuará sempre sendo um dos meus autores favoritos e, principalmente, um que criou um dos meus personagens prediletos de todos os tempos. Robert Langdon é o professor que sempre desejei ter. Com sua genialidade específica e sua capacidade cognitiva, é impossível não admirá-lo, até porque, ele é do tipo de personagem que afeta sua realidade, podendo facilmente existir nela. Vou deixar de lado minha decepção pelo ator que o interpreta nos filmes, e apenas indicar que parem o que estejam fazendo e leiam algum dos livros em que ele apareça (ou, pelo menos, um dos filmes, aproveitando a onda de Inferno hehe). Prometo que sua vida não será mais a mesma! (imagem retirada de djinn-world.deviantart.com)

 

04. Otto Lidenbrock (Viagem ao Centro Da Terra – Júlio Verne)

otto
O famoso professor alemão e especialista em mineralogia é um exemplo de professor durão, mas que passa os melhores ensinamentos aos pupilos. É do tipo bem-decidido e excêntrico, mas também rigoroso e dedicado, e não é à toa que nos transporta para uma viagem ao cento da Terra.  Não sei dizer ao certo o quê exatamente me encanta tanto nesta personagem, e é claro que ele não poderia, de jeito nenhum, ficar de fora. (imagem retirada de jv.gilead.org.il)

 

05. Professor Moriarty (O Problema Final, Sherlock Holmes – Arthur Conan Doyle)

moriarty

Como admiradora em aberto de Sherlock HolmesProfessor Moriarty se tornou um dos “vilões” que eu mais adoro de todos os tempos. Capaz de competir com o próprio Sherlock em quesito de carisma e inteligência, seus planos e ideias são fascinantes, em todas as suas representações (nos contos, livros, séries e filmes), além de ser inspiração para outros bad guys que o seguiram. Impossível não se encantar por esse professor da literatura. (imagem retirada de rssing.com)

 

 

top five é esse, mas existem tantos outros professores que nos encantam nas páginas desse mundão, como por exemplo, o Professor Josué (Gabriela, cravo e canela – Jorge Amado) ou Lucy Snowe (Villette – Charlotte Brontë). 

O fato é que, dentro ou fora dos livros, os professores são personagens importantíssimos pra formação de qualquer pessoa; exemplos de braveza, coragem, altruísmo e bondade. Então, desejo os meus sinceros parabéns para todos que exercem essa profissão (ou já exerceram ou exercerão), em especial àqueles que um dia me deram aula.

Feliz dia do professor! Um beijão xx

Anúncios

12 comentários sobre “[Top 5] Os professores mais brilhantes da literatura

  1. Pingback: TAG Literária – Contos de Fadas da Vida Real – Caçadoras de Spoiler

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s